Emoções que podem engordar

Há muito se verifica que determinadas características de personalidade, comportamentos ou emoções podem predispor a ocorrência da obesidade. Existem obesos de todos os tipos, sem que se possa generalizar uma personalidade pré mórbida.

Mas, algumas características de comportamento e estados emocionais podem predispor à possibilidade de desenvolvimento do excesso de gordura.

Um estudo realizado por pesquisadores americanos de Baltimore seguiu 1998 pessoas durante 50 anos, realizando constates avaliações e colheita de dados corrobora os achados clínicos.

Entre outros, medo, ansiedade, tristeza, stress, raiva, culpa, vergonha, impulsividade, perfeccionismo.

Emagrecimento pode ser muito mais do quefazer uma dieta, praticar atividade física e ingerir medicação, necessários, mas nem sempre suficientes.

Quando a pessoa apresenta emoções mal resolvidas, que interferem no processo, como causa ou efeito, é fundamental a atuação da psicologia. Nestes casos, engordar pode ser uma forma inadequada de expressar e trabalhar essas emoções.