A importância da atividade física

Não tem dúvida: a melhor forma de aumentar a taxa metabólica é a atividade física e metabolismo ativo faz bem para todas as funções do nosso corpo. É isso mesmo, o exercício físico ativa o metabolismo por muitas horas e produz endorfina, uma espécie de “hormônio do prazer” e daí reduz o stress e a ansiedade. E está provado que o stress favorece a produção e o armazenamento de gordura, especialmente na região abdominal. Portanto, não pense no exercício apenas como um jeito de queimar calorias, mas como um “remédio” que resolve muitos problemas e, acima de tudo, nos traz bem estar.

Mesmo sabendo de tudo que temos a ganhar com o exercício, nem sempre a gente tem disciplina ou ânimo para começar. Ou então, mesmo, em fase de muita tensão a gente perde o pique. Neste caso, tente o seguinte:

Vá para a academia (clube ou parque onde se exercita) e comece a malhar sem compromisso de cumprir uma rotina completa. Combine com você mesma que pode parar se desanimar. Em 90% das vezes, você vai concluir seu programa e, no final, vai se sentir ótima.

Associe o exercício ao prazer. E escolha uma atividade de que você goste para que seja divertida e não se transforme numa obrigação. O melhor exercício é aquele que combina com você.
O melhor exercício, psicologicamente falando, é aquele que você sente vontade de fazer de novo amanhã!

Há pessoas que não gostam tanto do exercício, mas sim da sensação de bem estar que vem quando se conclui a rotina.

Tente transformar o exercício físico numa rotina como escovar os dentes, por exemplo! Convença-se de que o ser humano não foi feito para ficar parado.
A endorfina produzida durante o exercício melhora a produção de outras substâncias naturais do organismo. Alivia tensões e funciona como poderoso auxiliar no tratamento de depressões leves.

Procure encarar o exercício como um prazer. Quando ele se torna competitivo ou quando você estabelece metas muito ambiciosas, cria mais tensão na sua vida.